A carregar...

ENSINOS TÉCNICOS E POLÍTICA EM PORTUGAL

18.85 16.96

A história das nossas instituições de ensino técnico é, em boa medida, desconhecida até à realização do presente trabalho.

Em stock

10% de Desconto Imediato
Compre agora e ganhe 16 Pontos!
Receba entre os dias 15. Abril - 18. Abril
ENSINOS TÉCNICOS E POLÍTICA EM PORTUGAL
Frequentemente comprado em conjunto
17.80 16.02
1 × A GRANDE ALIANÇA

Em stock

9.42 8.48
12.72 11.45

A história das nossas instituições de ensino técnico é, em boa medida, desconhecida até à realização do presente trabalho. Nele é traçada a evolução dos diversos graus do ensino técnico, desde o superior e, com ele, a emergência e desenvolvimento da engenharia nacional, passando pelo ensino técnico elementar, que teve origem nas antigas escolas industriais e de desenho industrial, até ao ensino politécnico, e aos institutos industriais e comerciais, seus antepassados. Embora o período em exame vá do início da I República até ao fim dos anos 80, foi realizada uma incursão pelo século XIX, remontando às origens dos ensinos técnicos e destacando a configuração que apresentavam quando da queda da Monarquia liberal. As transformações de fundo dos ensinos técnicos e a história frequentemente atribulada de algumas das suas instituições são objecto de uma análise a partir de um modelo interpretativo no qual os regimes e sistemas políticos, a estrutura socioprofissional, a economia e o mercado de emprego figuram em primeiro plano. Em particular, das três últimas dependem o volume e a estrutura da procura de ensino, enquanto das duas primeiras depende, por sua vez, a amplitude e o tipo de resposta das políticas de ensino à procura. O modelo não permitiu apenas perceber melhor a evolução dos ensinos técnicos. A partir dele foram, por exemplo, propostas interpretações para o facto de os ideais da instrução popular ocuparem um lugar importante no ideário dos republicanos e as realizações educativas da República apresentarem um perfil em quase total contradição com aqueles ideais. Bem assim como para o facto de a desconfiança para com a instrução popular do Estado Novo ter sido compatível com o desenvolvimento do ensino primário a uma escala sem precedentes, com plena escolarização da classe etária correspondente em finais dos anos 50.

ISBN Oficial

9789728407452

Editora Oficial

Edições Piaget

Comentários

Não há comentários ainda.

Registrado somente em clientes que compraram este produto pode deixar um comentário.

AutorGRÁCIO, SÉRGIO
EditoraEdições Piaget
Primeira Publicação1997
FormatoFísico - Impresso
IdiomaPortuguês
ISBN9789728407452
EAN978-972-8407-45-2
Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no nosso website. Ao navegar, o utilizador concorda com a nossa utilização de cookies.

Seleccione um ponto de entrega

Seja notificado quando o produto estiver em stock. Indique o seu e-mail abaixo
Produto adicionado!
O produto já está na lista de desejos!
Removido da lista de Desejos

Carrinho de compras

fechar